Finanças para Freelancers

Analisar o lucro do teu negócio

Chega o final do ano e é altura de balanços. Quando tens uma empresa, é a altura de reunir com o contabilista e analisar o lucro do negócio.

Para ti, que trabalhas por conta própria e cuidas das tuas finanças, mesmo que ainda não tenhas uma empresa, é muito importante olhar o teu negócio de igual forma.

E, por isso mesmo, a tua contabilista desta casa decidiu ajudar! 🙂

Vamos analisar as tuas contas de 2021 e fechar o ano? Vamos! 😊

1. Começamos por analisar o total de faturação, assim:

Tarefa: divide a tua faturação pelos produtos/serviços que vendes e pelos meses do ano

Depois, analisa:

  • o valor total de faturação do ano e compara com o total de faturação do ano anterior. Existiu crescimento? Qual a percentagem? Está de acordo com os teus objetivos de início do ano?
  • calcula a média de faturação mensal

Um exemplo:

  • Analisa também o valor total de faturação por mês: Quais os meses com maior e menor volume de faturação? Compara com o tempo e energia dedicados ao teu negócio em cada mês.  Ficou dentro do planeado?
  • Analisa ainda o valor total de faturação para cada produto/serviço: Qual o produto que representa uma maior percentagem da tua faturação? E o que representa uma percentagem menor? Qual te dá mais gosto trabalhar? Existe algum que queres eliminar/reduzir?

2. Analisa o total de gastos, assim:

Tarefa: lista todos os gastos do ano.

Todos, todos. Atenção aos gastos escondidos como as comissões de processamento de pagamentos (paypal, stripe, outros) ou aquela mensalidade de valor baixo de alguma plataforma que utilizas.

Lembrar que são os gastos do TEU negócio. Não das tuas finanças pessoais.

Lembrar também de incluir os gastos com impostos (segurança social e IRS do ano).

Depois de listar, analisa:

  • Soma o total de gastos e compara com o ano anterior. Além de comparares o valor efetivo de gastos em cada ano, compara também a percentagem que representa da tua faturação.
  • Separa os gastos em fixos (tens sempre essa despesa, mesmo que não exista faturação) e variáveis. Qual a percentagem da tua faturação que é necessária para cobrir gastos fixos?
  • Existem gastos que podem ser eliminados/reduzidos? Lembrar que concentrar em ter mais rendimentos (mais faturação) é importante mas os gastos devem estar controlados e minimizados.

3. Analisa o lucro do teu negócio, assim:

Tarefa: calcula o lucro, subtraindo os gastos ao total de faturação

Analisa: Quanto é o teu lucro deste ano? Qual o crescimento em relação ao ano anterior? Está dentro dos objetivos que definiste?

Se ainda não estás na fase de considerar um valor de salário para ti nos gastos do teu negócio, divide esse lucro total pelos doze meses do ano. Tens um retorno mensal confortável para ti?

Analisa também o valor caso optes por dividir por 14 meses, considerando assim um subsídio de férias e um subsídio de natal para ti. Mereces isto!

Este é o valor de salário que consegues receber.

Como assim, salário a receber?

Quando digo aqui “receber” pode existir mesmo uma transferência da conta bancária do teu negócio para a tua conta das despesas pessoais mas também pode ser simplesmente saberes que este é o valor que tens na tua conta bancária entregue pelo teu negócio.

Podes receber menos e optar por investir uma parte do lucro no teu negócio (sempre que possível, este é o cenário ideal porque ajudas a crescer a tua marca) ou podes receber o total porque precisas e ainda não tens o valor de salário que pretendes receber do teu negócio.  

Agora, 2022!

Depois desta análise feita, consegues fazer o planeamento financeiro do teu ano 2022. É só responder às mesmas questões, mas agora com valores objetivo.

Não comeces o ano no teu negócio a “ver o que é possível fazer”. É claro que vais fazer sempre o teu melhor mas assume uma postura de empresário e define números para o teu negócio.

Precisamos desses números para usar como medida. Só assim conseguimos gerir e avaliar o desempenho de um negócio.

Espero ter ajudado, desejo-te um bom trabalho a analisares 2021 e quem sabe se trabalhamos juntos em 2022. 🙂

Até lá, desejo-te umas excelentes entradas com muita saúde, paz e o sucesso que mereces.

Abracinho,

Joana

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.